terça-feira, 30 de junho de 2015

quarta-feira, 24 de junho de 2015

Os filmes de Dragon Ball Z

Saudações do Crítico Nippon!

Como introdução, sugiro que leiam meus textos sobre Dragon Ball Z: Saga do Freeza - a melhor; Comédia obrigatória - DBZ Abridged + RAPs do Flick; Crítico Nippon no CabulosoCast #2. Tem também especiais para o facebook aqui e aquiO anime mais popular de todos os tempos tem inúmeros filmes. Desde a série Dragon Ball, passando pelo Z e GT, incluindo especiais e OVAs. Assim, não é de se espantar que muita coisa ruim tenha saído disso. Não foram feitos pelo mestre Akira, portanto, não há do que culpá-lo (Ah sim, confesso que não gosto dos filmes de Cavaleiros do Zodíaco ou mesmo Naruto, e gosto muito desses dois animes). Contudo, os últimos dois filmes (A Batalha dos Deuses e O Renascimento de F) me fizeram perceber que naquela época não estávamos tão ruim quanto pensávamos. E arrisco dizer que praticamente todas as lutas dos 13 filmes da série “Z” eram mais inspiradas que as dos dois atuais. Não gosto do Cooler, dos novos Andróides ou mesmo de Broly, mas é inegável a qualidade de animação e coreografias de batalha. Sendo assim, esta crítica irá abordar quatro filmes no total: os dois mais atuais (que servem de ponte para o futuro novo anime Dragon Ball Super) e os dois antigos que eu mais gosto: O Golpe do Dragão e o especial O Futuro de Trunks (esse sim, autoria de Akira).