domingo, 17 de julho de 2011

Dantalian no Shoka: A Biblioteca Mística de Dantalian



O anime da temporada, do estúdio GAINAX e que particularmente eu estava bem ansiosa para conferir. Primeiro por se tratar da Gainax e segundo por englobar o universo dos livros. Ultimamente ando vendo GOSICK em muitos animes por ai (ou será uma viagem minha? Acredito que não), começando por Ikoku no Croisée, onde o que lembra é o mesmo character designer e se passar no período histórico. Passando por Kamisama no Memo-chou, onde o fator característico é o fato da protagonista ser uma detetive loli e a trama se emaranhar pelo caminho da investigação. E por fim Dantalian no Shoka, onde as características que assemelham ambas as obras são menos evidente, mas percetiveis. A história de ambas se passa numa Europa de 1920, ambas as protagonistas tem uma afeição aos livros, tendo como característica básica, o conhecimento. E se levarmos em conta que o fator mistério e investigação por conta própria estão presentes em ambas as obras, temos ai mais um ponto em comum. Isso não levando em conta que Dalian, é dublada por Miyuki Sawashiro, a mesma que fez Cordelia Gallo, mãe de Victorique em GOSICK e o character designer de ambas as séries ficaram ao cuidado da mesma pessoa; Sumie Kinoshita.


Mas indo ao que interessa, as primeiras impressões de Dantalian no Shoka são as melhores possíveis. A execução foi excelente, somando ai os ótimos recursos visuais e a boa dinâmica inicial, centrando e ligando ao expectador na trama. Me parece que em Dantalian, vimos tudo que queríamos ver no primeiro episódio de Blood-C. Os personagens, que inicialmente são apenas Dalian, Huey e uma garota misteriosa (mas outros vão aparecer e prometem ser tão interessantes, quanto), são genéricos, mas se mostraram bem promissores. Gostei do fato de Huey não ser o típico adolescente em fase escolar. Pelo contrário, ele é maduro e aparenta ter atitudes sensatas (MAAAAAS, é cedo pra falar qualquer coisa, já que não sei praticamente nada do original), sendo ele um ex-piloto combatente, tendo servido na Primeira Guerra Mundial. Ele tem um objetivo claro, reencontrar a garota com quem ele esteve na Biblioteca Mística, quando ainda era criança. Aliás, os primeiros minutos do anime mostram bem isso e já deixa claro que veremos um anime de fantasia, calcado nos mistérios.


Ele fica mais perto de encontrar o que tanto procura quando seu avô é assassinado e lhe deixa como herança, uma velha mansão e a misteriosa Biblioteca Mística de Dantalian. Adentrando no interior do casarão, Huey avista o que lhe parecia ser uma boneca, mas na verdade era uma delicada garota, que tem a pele tão branca que eu sinceramente não imagino como ele pode encará-la com tanta naturalidade. Essa é Dalian, a bibliotecária de Dantalian no Shoka, o tipo de personagem perfeita para causar empatia com os otakus, mas que espero ter um mínimo de background e que vá além do seu gênio tsundere. Ao menos, potencial tem e seu estilo gothic Lolita combina bem com o fato de a personagem ser um demônio, ou mais especificamente falando, ela é uma Yomihime e tem como responsabilidade guardar a “Biblioteca”. Huey se torna a chave, quando faz um contrato com ela. Se já constava no testamento que ele deveria tomar conta de Dantalian, ao fazer um contrato com a garota e se tornar a chave da Biblioteca Mística, ambos agora possuem a missão de guardar essa “biblioteca”, que são salões trancafiados com selos que guardam os chamados livros fantasmas.


E ao que tudo indicou neste episódio, com o roubo do livro "pop-up" , teremos ai a formula de um caso episódico, seguindo tramas paralelas de desenvolvendo focado em Huey, com o clímax estourando no episódio final. Dantalian no Shoka me lembra bastante a história de Yami to Boushi to Hon no Tabihito ("Escuridão, o Chapéu e o Viajante dos Livros"), onde há duas irmãs que nutrem uma paixão secreta e são responsáveis por cuidar de uma imensa biblioteca tão mística quanto a de Dantalian. Mas uma das irmãos, com muito tédio resolveu adentrar em um dos mundos, representados por cada livro ali presente. A aventura começa quando hazuki resolve procurar a irmã em vários mundos.


Ainda há mais duas Yomihimes em Datalian no Shoka, além de Dalian; Flamberge, a Yomihime de prata e Rasiel, a Yomihime vermelha. Cada qual tem sua característica e seu guardião. Flamberge tem como guardião, Hal, um homem que se autonomeia como “Queimador de livros” e que detesta a existência dos livros fantasmas. O mais interessante aqui é o fato da Flamberge usar uma camisa de força que restringe seus movimentos. Espero uma certa queimada de gordura aqui, envolvendo estes personagens. Além de Rasiel que é bibliotecária da “Bibliotheca Razielis Archangeli” e que deve ser o fator mistério do anime e responsável por adentrar ainda mais no enredo fantasioso.


A animação é okay, nada tão espantoso como em Mawaru Penguindrum, mas há criatividade em se criar um visual fantástico. Em algumas cenas, algumas cenas se pareciam com fotografias reais, o estilo gótico é bem realçado pela arte e cenário mais escuro que o normal. As seqüências de ação se mostraram bem satisfatórias, principalmente o embate contra um Dragão mágico. Não teve OP no primeiro episódio, mas a ED foi fantástica, com atores reais que tem uma vibe meio assustadora e carregada de mistérios, mas claramente enfocando o fantasioso mundo circense. A canção título é “yes, prisoner" do grupo Marionnette e é uma melodia bem agradável. Esperemos que seja uma aventura épica e mitológica e daqui a 12 episódios a resposta. 

12 comentários :

junior disse...

na terceira foto e o vento o o cabelo da menina e bizarro daquele geito?
ta quase tçao bizzarro quanto os cabelos de shiki

Kico7 disse...

Boiei um pouco em algumas cenas, mas acho que isso se resolve com uma reassistida básica.
Legal o post, vai acompanhar a série inteira pelo blog?

Panino Manino disse...

Eu acabei gostando disso ai mais do que eu esperava.
A animação é bem estranha, com uma arte as vezes parece mal feita (uso de fotografias) mas que acabou dando do clima da série.

Se o Huey continuar safo e esperto e a Dalian não ficar de criancice, será uma ótima série.

Zayne Millano disse...

Yo! minaa-sam!

Gokuro! ficou interessante o artigo, e realmente a tendencia dos animes é ter mais história e eles vem bebendo na boa e velha fonte da sabedoria (bibliotecas).
Isso esta ocorrendo devido aos novos termos de lei da censura para conteúdo audio-visual do japão atendendo aos pedidos da ONU e ao mesmo tempo adaptando-se para as novas gerações.
Bom a história é longa, MAS.... com o final anunciado dos generos ecchi, hentai é obvil que eles vão buscar obras classicas para manter a cultura otaku viva!

Voces podem conferir esses título e outros animes da temorada pelo meu fansite/fansub:
http://zaynemillano.blogspot.com

Aproveitem e confiram os nossos amvs:
http://www.youtube.com/user/zmillano

Abraços! e continuem gerando bom conteúdo Otaku sempre pois nós criadores de material nunca podemos parar :D

Roberta Caroline disse...

Sério Panina? Achou que a arte pareceu mau feita? Acho que foi feito de uma forma que realmente ficasse no clima da ambientação ali.

Oi @Kico7, infelizmente não, essa temporada o blog vai (continuar) acompanhar somente Steins Gate.

@Junior, não fale assim dos cabelos de Shiki, menino. Eram styles demais HUEHUEHUEHUEHUEHU. Mas sim, demorei pra me acostumar com aquilo.

@Zayne Millano
Olha, tenho minhas dúvidas se isso já é o efeito "Lei anti-otaku", tendo em vista que mais da metade dos animes da temporada, são ecchis.

Panino Manino disse...

Mal feita é impressão inicial.
As fotografias retocadas parecem mal retocadas, ficaram com uma aparência meio borrada, meio indefinida, só que depois, isso ajuda a dar o clima da série.

Certamente é um uso meio "mal feito", mas se essa foi a intenção, então tudo bem.

Fábio[portuga] disse...

@Zayne Millano, eu até gosto de animes ecchi, mas ecchi com conteúdo, infelizmente a grande maioria dos ecchi que tem atualmente, não tem nenhum conteúdo e eu simplesmente ignoro.

Sobre Dantalian, gostei bastante do primeiro epi, gostei da animação e principalmente do character design.

Tem tudo para ser uma boa série.

Zayne Millano disse...

@Roberta Caroline - já ouvio falar em efeito colateral de medicamentos fortes? então...

Claro os animes ecchi semre foram os carros chefes das temporada e como o colega (Fábio[portuga]) comentou realmente está faltando conteúdo de uns tempos para cá.

Quem viu e não amou To Love Ru, Dears, Elfen Lied, dentre tantos outros ecchis sim! más de bom conteudo é claro!

Podem perceber que os ecchi sem conteúdo estão tão censurados que chegam á ter 20segundos de tela totalmente branca (impossivel de se entender algo) e isso é efeito direto da "lei IMPERIAL de censura ao conteudo audio-visual" válida para todo japão e provincias;
Deixe-me lembra-los que a "lei ant-otaku" só é valida em Tokio e lá não se produzio mais nada nos ultimos 5 meses (as impresas do ramo se mudaram para poder sobreviver), bom....

O efeito colateral da lei é evidente quando vemos animes "que tendem a ocidentais" ou que trazem boas histórias (ex: Gosik) o que força a censura ver as poucas senas "eroticas" como contexto geral e não apelo sexual.

Eu sinceramente vejo vantagens no efeito direto e indireto (já que a ONU ficou mais calma com isto) e os animes tiveram um nivel mais elevado.
O outro efeito colateral "leve" foi a grande volta dos animes infantis (de 8 a 12 anos) que somando são 70% dos lançamentos dessa temporada.
Más...
Isso já é outra história :D

Tinho disse...

Não gosto muito desses traços arredondados tipo o que usaram no cabelo dele tanto que exitei um pouco ao saber do anime mas ainda bem que arrisquei assitir,adorei o primeiro episodi.E o Huey e Dalian são personagens interessantes,gostei da mania da Dalian de responder com um yes,da um toque especial na personagem.

Will disse...

Estranho esse anime ser da Gainax, não tem nada haver o estilo mew. Mas ainda assim gostei do primeiro episódio e é uma das minhas apostas pra anime da temporada.

eu disse...

vi o 1º episodio,e axei bom ^^ , parecido com gosick mesmo

Panino Manino disse...

O melhor da série são as caras que a Dalian faz quando o Huey penetra ela.

Postar um comentário

Os comentários deste blog são moderados, então pode demorar alguns minutos até serem aprovados. Deixe seu comentário, ele é um importante feedback.